LEIA COM ATENÇÃO

Atenção: as imagens contidas no blog são de domínio público e/ou retiradas do Google. Se você, por algum motivo, sentir-se ofendido ou agredido com alguma imagem ou texto postados neste blog, entre em contato e a mesma, se este for o caso, será retirada. Caso a imagem seja sua, avise-me para que eu lhe credite a autoria.CONTATO cratonoticia@gmail.com WHATSAPP [88]

quinta-feira, 10 de agosto de 2017

Grupo armado é preso ao tentar invadir show de Wesley Safadão


Um grupo armado foi detido na madrugada desta quinta-feira, 10, durante uma apresentação do Wesley Safadão. O caso foi registrado no Parque de Exposições de Ponte de Aldeia, em Minas Gerais. As informações são do Diário de Pernambuco.

Durante o evento a quadrilha fingiu se tratar de seguranças contratados pela produção do show. Wesley não estava no local durante a ação. Os cinco homens vestiam camisas pretas, coletes, cintos com coldres e a caminhonete passou por uma vistoria.

Foram encontrados no veículo um revólver, um simulacro de pistola calibre 9 milímetros, um simulacro de fuzil MK177, uma faca, canivete, aparelhos de choque, algemas, balaclavas, rádio transmissor, algemas, conforme foi publicado em matéria do Diário de Pernambuco.

Nota oficial

A organização local do show em Manhuaçu (MG) informa que não houve qualquer situação relacionada a uma suposta tentativa de sequestro do cantor Wesley Safadão durante a noite desta última quarta-feira, 09. Houve somente uma ação da Polícia Militar de Minas Gerais, em seu trabalho de policiamento na rua de acesso, do lado de fora do evento, onde quatro homens foram presos por porte ilegal de um revólver e três réplicas de pressão de armas.

Ressaltamos e agradecemos o trabalho eficiente e pró-ativo da Polícia Militar em suporte a realização do festival de música na cidade.

O show em Manhuaçu foi um grande sucesso de público e de organização com a apresentação, a altura do que se esperava, pois no palco, estava um dos maiores artistas do Brasil, Wesley Safadão.

CL Produções, Silverio Afonso e Paulo Otoni

Nenhum comentário:

Postar um comentário