LEIA COM ATENÇÃO

Atenção: as imagens contidas no blog são de domínio público e/ou retiradas do Google. Se você, por algum motivo, sentir-se ofendido ou agredido com alguma imagem ou texto postados neste blog, entre em contato e a mesma, se este for o caso, será retirada. Caso a imagem seja sua, avise-me para que eu lhe credite a autoria.CONTATO cratonoticia@gmail.com WHATSAPP [88] 9 9788 5932

segunda-feira, 28 de julho de 2014

Gisele Bündchen posa nua e coberta pela bandeira do Brasil em revista


Top brasileira é capa da edição de julho da 'ELLE' brasileira, em ensaio assinado pelo fotógrafo Matt Jones.

do EGO, no Rio
Com a Copa do Mundo Fifa 2014, só dá Gisele Bündchen nas capas das revistas de moda. A última da top é a capa da edição de julho da revista "ELLE" brasileira, em que aparece aparentemente nua e coberta apenas pela bandeira do Brasil. A própria top foi quem compartilhou a capa, fotografada por Matt Jones, em seu Instagram, nesta terça-feira, 1º.

Gisele Bündchen (Foto: Instagram / Reprodução)Gisele Bündchen na capa da 'ELLE' brasileira (Foto: Instagram / Reprodução)Gisele Bündchen em Campanha Outono Inverno 2014/15 (Foto: Mario Testino) Neymar e Gisele Bundchen (Foto: Mario Testino/VOGUE) Neymar e Gisele Bundchen (Foto: Mario Testino/VOGUE)

MORADOR DE RUA FOI MORTO COM 5 TIROS NA CABEÇA EM TERESINA

A vítima do assassinado foi o morador de rua, Sonyvon Lopes da Silva, 'o Zezinho', de 29 anos. Ele foi alvejado com cinco tiros na cabeça na rua Gênesis Celeste, no bairro Horto Florestal, zona leste de Teresina. O comandante do 5° Batalhão da Polícia Militar, o coronel Raimundo Sousa, afirmou que testemunhas avistaram duas motocicletas com quatro homens chegando ao local do criem por voltas das 22 h da noite de domingo(27).
O corpo foi encontrado no depósito Multiservice. Dos cinco tiros disparados, 3 atingiram a cabeça de Sonyvon. A morte do rapaz foi imediata e pode está relacionada com o tráfico de drogas, pois ele era usuário e já tinha sido preso pelo crime de arrombamento e outros delitos. A tia da vítima, Iracema Lopes da Silva, disse que Sonyvon era usuário de drogas e há muito tempo a família vinha lutando para que ele abandonasse o mundo do crime e o vício. “Nós lutamos fazendo tudo para que ele deixasse esse mundo. Ele chegou a morar co a mãe dele, Darci Lopes da Silva em São Paulo, mas ele continuou morando nas ruas. Ontem eu o vi porque ele passou na minha casa”, declarou a tia da vítima bastante abalada. O presidente do conselho comunitário do Planalto Ininga, Francisco Alves, é parente de Sonyvon e disse que o rapaz já morou em várias cidades do Brasil, até em São Paulo com sua mãe. Mas os esforços da família foram em vão e infelizmente ele acabou morrendo por causa do vício nas drogas. Na semana passada os moradores do Planalto Ininga fizeram uma manifestação pedindo paz.

Fonte;MeioNorte

Nenhum comentário:

Postar um comentário